//
você está lendo...
Secomunica 2016

Ygor Brito fala sobre os desafios por trás da realização de um evento

Entre trancos e barrancos, publicitário dá dicas de como fazer bonito nos bastidores de uma produção de eventos

Por Maria Isabel Felix

Na manhã desta quinta-feira, penúltimo dia de palestras da XV Secomunica, o publicitário Ygor Brito, criador da festa jovem SUPER 17, deu dicas de como realizar e produzir eventos. Há 15 anos trabalhando como organizador, o publicitário contou um pouco de suas experiências de sucesso e fracasso na área. Ygor começou seu trabalho com eventos bem jovem. Aos 14 anos pegava dez ingressos de festas para adolescentes e os revendia em troca de uma cortesia. Seu interesse pelo ramo aumentou, de modo que começou a pegar 200 ingressos e os distribuía para terceiros revenderem. A lucratividade que gerou com a venda de ingressos fez com que ele se inserisse e conhecesse bem a área na qual trabalha hoje.

O publicitário fala do perfil do profissional e das habilidades pessoais que um criador de eventos deve ter, como a responsabilidade, a liderança e saber trabalhar em grupo. Também é importante, segundo ele, ter em conta as datas em que se pretende executar: feriados alcançam um público maior, já para datas com climas instáveis, como outubro a janeiro em Brasília. é bom evitar.

Ygor Brito durante palesta sobre produção de eventos. Foto: Aline Brito

Ygor Brito durante palesta sobre produção de eventos. Foto: Aline Brito

O sucesso de Ygor veio como consequência de sua forma de trabalho. Ele explica que para ser um diferencial, é preciso criar um novo conceito de festas, mudar a visão costumeira que se têm, criar novos objetivos e pensar em outras formas e possibilidades.

Apesar de seu sucesso atual, o publicitário conta de seus “baixos” sem medo. Segundo Ygor, sua conta telefônica já chegou na casa dos quatro dígitos, porque começou a cobrar 200 reais para mandar mensagens com divulgação de festas. Por mês foram enviadas mais de um milhão de mensagens, o que resultou na sua conta exorbitante.

Por muitos anos o publicitário lucrou apenas fazendo matinês no DF, uma vez que só ele trabalhava com esse tipo de evento em Brasília. No entanto, a concorrência aumentou e foi obrigado a migrar para outras modalidades de festas, como festivais, por exemplo. Sua próxima organização será o Festival do Brigadeiro que ocorrerá domingo, dia 25 de setembro, às 10h no Eixão Norte.

Ygor Brito e o Prof. Leandro Bessa. Foto: Aline Brito

Ygor Brito e o Prof. Leandro Bessa. Foto: Aline Brito

Para finalizar, o publicitário dá uma dica valiosa, “quem quer corre atrás. Se quiser criar e organizar um evento é preciso ter coragem”. Para a estudante de publicidade Maria Carolina Sousa, a palestra foi muito interessante porque “ele soube passar para nós muitas dicas importantes de forma descontraída”, conta. A aluna ainda disse que sempre pensou em atuar na área, mas ainda não adquiriu a coragem necessária.

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Sobre

A Olfato é a empresa júnior de Jornalismo da Universidade Católica de Brasília.

A agência oferece serviços e produtos em comunicação realizados por alunos esforçados e comprometidos.

Neste blog, você encontra conteúdos produzidos por membros da empresa.

Contato

olfatocomunicacao@gmail.com

Endereço

Campus I - UCB
%d blogueiros gostam disto: