Expressão artística do grafite invade a Universidade Católica de Brasília

Dupla de grafiteiros discute perspectiva urbana em meio comunicacional

Por Amanda de Castro

Na manhã desta quarta-feira (21) os estudantes receberam, no auditório do bloco K, os artistas brasilienses, Daniel Toys e Mikael Omik em uma palestra com mediação do Professor Alex Vidigal. O debate fez parte do terceiro dia da XV edição da Semana de Comunicação – Secomunica. O grafite foi discutido como forma de comunicação direta, propulsora de sentimentos e cotidiana.

Conhecidas como ferramentas publicitárias, a criação de identidade, marca e imagem são partes de estudos da marca para garantir um maior retorno do público. O grafite também funciona como ferramenta. Os locais de intervenção são previamente escolhidos, de acordo com um maior fluxo de pessoas, a fim de que a arte se torne democrática e seja vista.

Daniel Toys e Mikael Omik durante palestra. Foto: Karyne Nogueira
Daniel Toys e Mikael Omik durante palestra. Foto: Karyne Nogueira

Omik manifesta traços figurativos, enquanto Toys revela exatidão em formas geométricas. A diversidade presente nas duas linguagens se juntam e formam a composição artística expostas nas ruas do Distrito Federal.  

“Uma das coisas que mais prezo é utilizar as habilidades do curso de Comunicação Social em diversas áreas. Eles mostraram que é possível e isso tudo me fez refletir”, diz Horicam Vitor, aluno do do curso de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda da Universidade Católica de Brasília.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s